Empresas com boas práticas de governança têm trabalho reconhecido pelo Governo Federal

O Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura, reconheceu nesta terça-feira (26) o trabalho de três empresas por suas boas práticas de governança. Receberam o selo Infra + Integridade das mãos do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, a Camargo Corrêa Infra, a Empresa Construtora Brasil (ECB) e KPE Performance em Engenharia. A iniciativa é um dos principais pilares do programa Radar Anticorrupção.

“Nossa parte é estimular cada vez mais a integridade. Olhamos o potencial que essas empresas têm para que elas possam servir de exemplo para as demais. Para que, em um futuro próximo, o mercado olhe de maneira diferente, e enxergue que essa maneira de agir, agir com integridade, se traduz em resultados. É algo que vai valer a pena para todos, para as empresas e para nós aqui do ministério”, afirmou o ministro.

A iniciativa, uma das ações do Radar Anticorrupção, fomenta a adoção voluntária de medidas de integridade e premia instituições que atuam no setor de infraestrutura de transportes terrestres e que se comprometem em implementar e desenvolver boas práticas de ética, transparência, conformidade, responsabilidade social, sustentabilidade e prevenção à fraude e à corrupção.

INTEGRIDADE – Participaram do evento, além do ministro Tarcísio, o ministro da Controladoria-Geral da União (CGU), Wagner Rosário, o secretário-executivo do MInfra, Marcelo Sampaio, e a subsecretária de Conformidade e Integridade da pasta, Fernanda Oliveira. Segundo ela, foram 19 empresas inscritas para receber o prêmio. Das nove habilitadas, três acabaram com seus trabalhos reconhecidos.

“O selo consolida o programa Radar Anticorrupção do MInfra e demonstra a maturidade institucional em promover o reconhecimento de ações de integridade das empresas privadas que atuam junto ao ministério e suas unidades vinculadas. É uma importante iniciativa de conscientização dessas empresas sobre o protagonismo da temática compliance e sobre o enfrentamento de condutas antiéticas nas corporações”, afirmou a subsecretária.

RADAR – O Programa tem como objetivos aprimorar a gestão pública, melhorar o controle interno, zerar casos de corrupção envolvendo contratos do MInfra e dificultar os desvios de conduta e de recursos públicos. Por isso, foram definidos oito pilares com as iniciativas prioritárias à necessária promoção de integridade institucional e relacionadas à prevenção, detecção e combate à corrupção.

O programa envolve o compartilhamento de informações com outros ministérios, estabelece regras de compliance para os servidores do MInfra, define critérios técnicos para a nomeação de cargos e funções gratificadas e mantém canais oficiais de denúncia à disposição dos cidadãos.

FONTE: Ministério da Infraestrutura – https://www.gov.br/infraestrutura/pt-br/assuntos/noticias/2021/10/empresas-com-boas-praticas-de-governanca-tem-trabalho-reconhecido-pelo-governo-federal

Fechar Menu