Contorno Norte de Maringá terá viadutos duplicados

Contorno Norte de Maringá terá viadutos duplicados

A Ordem de Serviço (OS) para o início das obras de duplicação de oito viadutos sobre o Contorno Norte de Maringá, localizado na BR-376/PR, no Estado do Paraná, foi assinada na última segunda-feira (29). Os trabalhos serão executados pela prefeitura do município, com recursos do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).

Orçada em R$ 16,9 milhões, a obra tem prazo de execução de 16 meses e permitirá a construção de viadutos de transposição do contorno rodoviário nas interseções das avenidas: Mandacaru, São Judas Tadeu, Kakogawa, Américo Belay (dois), Tuiuti, Guaiapó e Franklin Delano Roosevelt.

O empreendimento beneficiará a população do município, permitirá a integração dos bairros com a região central da cidade de maneira ágil e segura e ainda possibilitará a interligação das vias marginais como contorno secundário.

O projeto da obra foi aprovado pelo DNIT e contempla não somente os viadutos, mas também o entorno. A Autarquia acompanhará e fiscalizará o convênio formalizado, além de disponibilizar ao município o compartilhamento técnico, financeiro e operacional para a conclusão dos serviços dos viadutos complementares do Contorno Norte de Maringá.

Histórico – A primeira etapa do empreendimento do Contorno Norte de Maringá começou em novembro de 2008. O DNIT promoveu a licitação para contratação da primeira fase da obra, por meio do edital nº 301/2008?09, com Ordem de Serviço dada em 02/12/2008.

Em 2009 foram necessárias revisões nos projetos para melhor atender às necessidades da rodovia, como a atualização das quantidades de serviços de terraplenagem, pavimentação, drenagem, sinalização e obras complementares.

A segunda etapa, cuja ordem de serviço foi expedida em 01/06/2012, contemplou a duplicação 11,1 quilômetros de pistas do Contorno Norte de Maringá, devido à necessidade de se ampliar as condições de circulação com a introdução de viadutos nas interseções com as avenidas Pedro Taques e São Judas Tadeu, e o rebaixamento na interseção com a Av. Américo Belay, possibilitando a construção dos novos viadutos, a construção de 12 passarelas de pedestres, emissários de águas pluviais, eletrodutos para futuras iluminação linha geral e barreiras new Jersey.

Para celebração das obras atuais de duplicação dos viadutos, celebrou-se o Convênio entre DNIT e Prefeitura Municipal de Maringá (TC787/2015-03), quando foram adotadas soluções semelhantes às já apresentadas nos viadutos existentes, de modo a preservar as condições arquitetônicas do Contorno Norte.

FONTE: DNIT

Fechar Menu